Saiba como identificar os barulhos no freio do carro

Nas revisões dos veículos, os mecânicos avaliam as peças que possam estar danificadas e que, possivelmente, terão que ser trocadas. Na parte mecânica é observado também as condições de uso dos freio do carro.

Sendo assim, quando se pisa no pedal de freio e escuta-se barulhos, pode ser falta de óleo, problemas em pastilhas ou discos. Dependendo do ruído, até mesmo o motorista consegue identificar a peça que deverá ser trocada.

Barulhos nos freios do carro

freio-carro

Uma solução simples que pode reduzir os ruídos é desmontar as pastilhas para lixar as beiradas. Ainda assim, na maioria das vezes, é necessário trocar os discos de freio e as pastilhas.

Para identificar se há problema no disco de freio, por exemplo, basta observar se a superfície está irregular e se possui ranhuras. Caso as pastilhas de freio estiverem novas e mesmo assim apresentarem assovios, o problema será os discos desgastados.

Em caso de pastilhas ruins, nem todos os carros acendem a luz de painel, portanto, o motorista deve ficar atento quanto ao seu tempo de uso. Os especialistas recomendam a troca, em média, a cada 10 mil quilômetros rodados.

Troca de fluído de freio do carro

fluido-freio-carro

O fluído de freio tem como objetivo reduzir a frenagem do veículo e transferir a força exercida no pedal de freio, para as pastilhas e as sapatas.

Quando há falta de fluído no freio, o condutor consegue identificar pela maciez no pedal, já que fica murcho e não consegue absorver o impacto.

Normalmente, o recomendável é a troca de óleo do freio ser realizada anualmente, podendo variar o tempo de acordo com o modelo do veículo. Nesse caso, o manual estará informando o período correto.

Por isso, a importância de fazer as manutenções nos prazos estabelecidos. O tempo de cada peça varia de acordo com a frequência do uso do automóvel.

Assine nossas novidades

    Fique tranquilo, não enviamos spam.

    Tire suas dúvidas